Aproximando estudantes com o Túnel do Abraço na volta às aulas

Após um ano de ensino remoto, uma estrutura especial permitirá que os professores recebam os alunos com um abraço na chegada à escola

Depois de um longo período em ensino à distância, as crianças estavam ansiosas para voltar ao convívio dos colegas e professores na escola. Nesse ano, com os números da Covid-19 ainda avançando em todo o país, a volta foi diferente. As escolas do Rio Grande do Sul devem respeitar regras de distanciamento, uso de máscaras, ocupação mínima das salas e outras medidas para garantir a segurança no retorno. Com isso, a Escola Municipal de Ensino Fundamental Senador Teotonio Vilela, no bairro Nossa Senhora das Graças, em Caxias do Sul, desenvolveu o Túnel do Abraço, uma estrutura que permitirá que os professores recebam os estudantes com o carinho de sempre.

“O Túnel do Abraço vem em um momento em que é preciso abraçar, acolher, tocar e ser tocado. Só para exemplificar, quando recebemos o túnel, as profissionais que trabalham dentro das dependências da escola se abraçaram por meio dele e se emocionaram. Muitas lágrimas rolaram”, revela a Fernanda Boeira, diretora da escola Senador Teotônio Vilela.

Criada com o apoio da Fundação Marcopolo em parceria com a Marcopolo Next e a JAK Gravuras o Túnel do Abraço é uma barreira plástica com seis entradas para os braços, como luvas, que permitem um abraço sem contato físico. A estrutura foi montada na entrada da escola.

Entre um abraço e outro, o Túnel é higienizado com álcool 70%, além de receber a desinfecção névoa FIP Spaces, desenvolvida pela Marcopolo Next.

“A proximidade e a troca é uma parte importante no desenvolvimento social da criança no ambiente escolar. Após um ano difícil de separação, essa proximidade será mais necessária do que nunca, desde que a segurança dos profissionais da educação e dos alunos esteja garantida. Nosso propósito é tornar o retorno mais leve”, comenta Mauricio Otavio Barcellos Castilhos - Diretor de Benefícios e Serviços da Fundação Marcopolo.